Qual o tipo de treinamento ideal para quem tem diabetes?

conteudo_5894d84205b5e.jpg

Pesquisa mostra o caminho para que você possa dar o melhor treinamento possível para quem tem diabetes.

A gestão do diabetes mellitus tipo 1 (T1DM) baseia-se em três pilares: insulinoterapia, nutrição, e prática regular de atividade física. Os exercícios físicos estão associados a demandas metabólicas que as reservas de energia do indivíduo e o nível de condicionamento físico, que variam de acordo com as condições ambientais e intensidade, duração e tipo de exercício.

Todos esses fatores, somados ao eventual sofrimento com competições, influenciam no metabolismo da glicose.

A carreira atlética de indivíduos diabéticos é muitas vezes prejudicada por um risco de hipoglicemia durante e após o exercício, hiperglicemia freqüente antes, durante e após certas atividades físicas, ocorrência de cetoacidose e presença de complicações microvasculares e macrovasculares crônicas.

Os exercícios aeróbicos reduzem níveis de glicemia, enquanto o exercício anaeróbio pode promover hiperglicemia transitória. Embora os indivíduos diabéticos possam alcançar a excelência no esporte, seu desempenho físico deve ser maximizado pelo controle estrito de glicose no sangue, por modificações adequadas na dose de insulina no dia do exercício e ingestão nutricional adequada.

Artigo extraído do Portal Educação Física